Chance para estudantes que têm dívidas do Fies

Alunos que estão devendo parcelas do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) terão a chance de renegociar as dívidas a partir do próximo semestre, junto à Caixa Econômica Federal (agente financiador do fundo). É que na última semana foi publicada no Diário Oficial da União, a Lei 13.682/2018, que trata dos Fundos Constitucionais de Financiamento. Essa lei permite a renegociação do Fies. As regras serão divulgadas pelo comitê gestor.

Chance para renegociar dívidas do FIES
Chance para renegociar dívidas do FIES

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), a renegociação dos débitos é um importante passo para dar sustentabilidade ao Fies e fortalecer o fundo estudantil. Atualmente o Fundo tem 2,7 milhões de contratos e 453 mil estudantes inadimplentes. Esse índice de devedores equivale a um débito total de R$ 10 bilhões com o Fundo.

A medida deve beneficiar os estudantes, além de ajudar o Governo Federal a solidificar a sustentabilidade do FIES.

O que é o Fies?

O Fies foi criado pelo governo federal para ajudar estudantes brasileiros a pagar a faculdade particular. O programa consiste em “empréstimos” com juros mais baixos e o aluno só começa a pagar a dívida após a formatura.

Antes de participar do programa é preciso confirmar se o candidato cumpre os requisitos do programa. Pode participar do Fies quem fez o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), com desempenho mínimo de 450 pontos de média nas provas e nota maior que zero na redação. O programa também tem como pré-requisito a renda do estudante.

O Fies funciona assim: o estudante que atender aos critérios de participação e renda se inscreve no processo seletivo do programa pela internet. Caso seja selecionado, terá um prazo para se cadastrar, comprovar documentos e assinar o contrato de financiamento no banco. Enquanto durar a faculdade, o aluno só precisa pagar o valor correspondente aos juros do empréstimo, em parcelas trimestrais. Após a formatura, o beneficiário do Fies começa a pagar a dívida, que pode ser dividida em diversas parcelas.

 

Cadastre-se

Gostou deste conteúdo? Faça um comentário!

avatar
Fechar Menu